11/04/2018

Você sabe as diferenças entre as homologações do vestuário de piloto de kart e automobilismo?

Olá pessoal, o objetivo deste artigo é sanar as diversas dúvidas básicas sobre as homologações que compõem o vestuário de um piloto, diferenciando entre o que exige a homologação de kart e automobilismo.

Se você quer um texto técnico este não é o que você procura. Não serão abordados aspectos detalhados das homologações, as diferenças entre as evoluções que correm nas atualizações das normas, etc. 

O foco é fazer você entender na prática e de forma simples o que cada homologação kart/automobilismo tem de diferente para te fazer escolher o que é mais adequado no momento de comprar um equipamento.

Durante os anos que em trabalhamos, notamos que diversos pilotos, até mesmo com muito tempo no automobilismo/kartismo desconhecem alguns detalhes básicos das homologações que resultam em compras que não atendem ao que precisavam. 

Em termos de homologações de vestuário existem basicamente dois tipos, kart e automobilismo.
 

HOMOLOGAÇÃO PARA KART

Vamos começar pelo kart que tem uma só homologação. Basicamente no mundo inteiro se utiliza a homologação que é feita pela CIK-FIA, que é a Comissão Internacional de Kart da Federação Internacional de Automobilismo. Esta homologação tem dois níveis de proteção, 1 e 2. Ela foi recentemente atualizada em 2013 (CIK-FIA Standart Nº 2013-1), com os primeiros macacões utilizando esta homologação chegando no mercado em 2015.  A homologação anterior e ainda aceita é de 2001 e plenamente válida, tanto que os macacões lançados hoje ainda a utilizam (CIK-FIA 2001/130). Ambas mantém o nível 1 (básico) e 2 (máximo) de proteção.  

Outro aspecto é que a homologação para kart se restringe ao macacão, ou seja, luvas, sapatilhas, balaclavas não possuem homologação. A CIK-FIA faz recomendações sobre a construção das sapatilhas, mas não as homologa.

Mas você deve estar se perguntando o que na prática isso significa?!

Os níveis, como já dito, diferenciam o grau de proteção, sendo o 1 o básico e o 2 o nível máxima proteção. No caso do kart a proteção é essencialmente contra o atrito, arrasto do macacão contra o asfalto, a fim de evitar que a sua pele fique em contato com o asfalto, causando lesões graves. 

Um aspecto não previsto na homologação, mas é uma consequência,  é a proteção contra o calor. Importante lembrar que não é proteção contra o fogo. Macacões para kart não tem proteção antichamas. Esta proteção contra o arrasto impõe uma construção mais pesada para o macacão, tanto que o macacão de kart é muito mais grosso, logo mais quente (uma característica inevitável de qualquer macacão homologado para kart), que o de automobilismo. Assim, isso permite que você possa ter um tempo reação para evitar uma queimadura grave ao encostar nas partes quentes do kart. Mas lembre-se isso não faz parte da homologação, mas ajuda nestas horas. 

Uma característica comum dos macacões homologados é que todos tem forração em tecido macio, geralmente algodão. Como o tecido externo é grosso, não tem como ficar em contato direto com a pele sem machucar com o tempo.

Outro ponto importante, o macacão para kart possui prazo de 05 anos de validade. O prazo é contado a partir da fabricação, isso fica registrado na costura do macacão, geralmente constante na parte de trás da nuca. Um selo holográfico em determinado local do macacão, também é utilizado, mas não é obrigatório. O selo e a posição variam conforme o fabricante que optar utilizar. Mas o que acontece se meu macacão perder a validade? Se você não participar de campeonatos oficiais que exijam homologação, não muda nada desde que ele esteja em bom estado de conservação.

Outro ponto muito questionado, não existe macacão para kart, ao menos homologado, que seja impermeável. Para isso deve-se adquirir um macacão para chuva que é utilizado por cima do macacão tradicional de kart.

Um último detalhe, macacão para kart in door não possui homologação e não tem forro. Fique ligado.


HOMOLOGAÇÕES PARA AUTOMOBILISMO

Agora vamos explicar o que acontece com o automobilismo. Neste caso existem duas homologações aceitas, a mais utilizada mundialmente é a da FIA, regulamentação 8856-2000. A outra é a SFI 3.2A que é a utilizada nos EUA, mas também aceita em outros campeonatos pelo mundo afora.

A homologação para automobilismo tem características diversas do kart. Como você está dentro de um carro/cockpit, seja de turismo, fórmula, rally, etc, a proteção essencial nestes casos é contra o fogo para evitar queimaduras. Isto é, em caso de incêndio você consegue sair do carro em chamas sem ter queimaduras graves pelo contato com o fogo. 

Como a proteção no automobilismo é contra fogo, logo todas as peças que compõem o vestuário de um piloto possuem/exigem homologação. E mais, macacão, luva e sapatilhas homologados não garantem a proteção necessária. A proteção deve ser completada com o uso das roupas internas (underwear), ou seja, balaclava, camiseta manga longa, calça e meias, tudo antichamas. Somente este conjunto completo de peças é que garante proteção. 

Os campeonatos profissionais exigem que você utilize todas as peças citadas acima para poder participar. Se deixar de usar um único item o piloto não pode correr e se for descoberto que correu não utilizando, é multado.

Ratificando, todas as peças, sejam as aparentes como macacão, luvas e sapatilhas ou as internas com a balaclava, calças, camiseta tem a mesma homologação FIA 8856-2000 ou a equivalente da SFI.

Como a construção do macacão de automobilismo não tem que proteger de arrastos,  a sua fabricação proporciona tecidos mais leves, muito mais que a de um macacão de kart homologado. E também menos quentes. Portanto, não importa a marca, o modelo ou a qualidade, todos devem respeitar as regras acima citadas. 

Um detalhe que as marcas utilizam como propaganda nos macacões são a quantidade de camadas na sua construção. Elas variam de 1 a 3 camadas. Em tese quanto mais camadas maior a proteção. Entretanto a quantidade de camadas já não é sinônimo de maior proteção. Com a evolução da tecnologia, hoje os macacões mais modernos, topo de linha, sequer falam em camadas.

Um último ponto sobre os tecidos utilizados nos vestuários para automobilismo. É normal os clientes chegarem pedindo exclusivamente por macacão nomex. Ele foi o primeiro e mais utilizado como tecido antichamas no automobilismo. Hoje porém ele não é o único. Já existem vários outros tecidos/fibras antichamas, mais leves e ainda mais eficientes que o nomex. Tendo a homologação 8856-2000 ou SFI equivalente não se preocupe, é antichamas. Na prática o nomex hoje é utilizado em macacões de entrada até linhas intermediárias dos mais variados fabricantes. Os produtos topo de linha das fabricantes já são feitas com tecidos/fibras muito mais leves e com a mesma ou maior eficiência que o nomex quando se fala em proteção ao fogo.

Então resumidamente as homologações têm as seguintes características:

Características

Kart

Automobilismo

Homologação

CIK-FIA 2001 ou 2013

FIA 8856-2000 ou SFI 3.2A

Níveis

Sim (1 ou 2)

Não

Camadas

Não

Sim (1 a 3)

Antichamas

Não

Sim

Arrasto/atrito

Sim

Não

Impermeável

Não

Não

Texto: Darcy Callai Junior
Publicado em 11/04/2018
A Reprodução total ou parcial deste texto é totalmente proibida.